Rede Social


quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Oscar 2017: Confira os Favoritos na Categoria de Melhor Ator Coadjuvante

Continuando nossa coluna sobre a corrida para o Oscar 2017, hoje, iremos falar sobre os 5 candidatos favoritos ao Oscar de Melhor Ator Coadjuvante, de acordo com a crítica do nosso Colunista Ricardo Odilec, especialista em sétima arte. ;)



Com apenas 20 anos, Lucas Hedges teve a oportunidade de trabalhar ao lado de alguns dos principais nomes do cinema americano, de Bill Murray a Tilda Swinton. Filho do roteirista indicado ao Oscar Peter Hedges, o garoto parece ser o novo queridinho de Wes Anderson, pois esteve em “Moonrise Kingdom” e “O Grande Hotel Budapeste”. Entretanto, é no drama “Manchester à Beira Mar”, de Kenneth Lonergan, que ele tem a oportunidade de demonstrar seu talento, sobretudo, nas cenas compartilhadas com Casey Affleck e Michelle Williams. Lucas tem sido comparado a Matt Damon em início de carreira, por saber lidar com um personagem complexo, porém sabendo equilibrar drama e humor na medida certa, tornando-se um personagem tocante.

Lucas Hedges
Filme: Manchester à Beira Mar

Dizem que 1994 era pra ter sido o ano de Liam. O sucesso de “A Lista de Schindler”, somado com a sua grande atuação, fazia parecer que era realmente isso que aconteceria. Mas o prêmio não veio, e, agora, mais de 20 anos depois, é a chance da Academia se redimir! “Silêncio” vem com a promessa de ser um dos grandes filmes do ano, então parece não haver chance melhor para Liam finalmente sair vencedor.

Liam Neeson
Filme: Silêncio

Shannon é o tipo de ator que parece estar sempre perto de levar um Oscar, mas nunca como favorito, tanto que sua única indicação veio com “Foi Apenas um Sonho” em 2009, como Melhor Ator Coadjuvante. Especialistas dizem que o ator deveria ter sido lembrado pelo menos mais duas vezes: em 2011 por “O Abrigo” e no Oscar 2016 por “99 Homes”. Para o Oscar 2017, Shannon entra com 2 filmes muito fortes, nos quais ele próprio foi continuamente elogiado. Os filmes são “Loving” e “Animais Noturnos”; por hora, com “Animais Noturnos” Shannon parece ter mais chances, mas sua outra atuação também segue na corrida.

Michael Shannon
Filme: “Animais Noturnos

Em 1981, Warren Beaty lançava “Reds” e alcançava seu Oscar de Melhor Diretor. Ao longo dos seus mais de 50 anos de carreira, teve diversas indicações nas categorias de atuação, mas nenhuma delas jamais se concretizou. A Academia costuma apoiar atores já consagrados que já passaram um tempo longe dos holofotes. E, às vezes, a vitória chega, como foi com Alan Arkin e Chistopher Plummer. 

Warren Beatty
Filme: Rules Don’t Apply

Rosto conhecido da televisão americana por participar de inúmeras séries de sucesso, Mahershala há alguns anos batalha por maior espaço no cinema. Mesmo em produções populares como “O Curioso Caso de Benjamin Button” e a saga “Jogos Vorazes”, é no pequeno e independente “Moonlight” que ele ganhou notoriedade e expectativa de nomeação ao Oscar. Os elogios à sua interpretação são direcionados principalmente ao senso de humanidade que o ator atribuiu ao personagem, sua dedicação ao trabalho também foi notória para o público e a crítica presente no Festival de Telluride, onde o longa já foi exibido.

Mahershala Ali
Filme: Moonlight

Muito legal, né gente? Dá uma vontade de assistir a todos esses filmes! :D Já já, estarão nos cinemas. \o/

E, para os cinéfilos de plantão, não deixem de conferir nossos posters de filmes. Temos de vários que já levaram Oscars, tais como: Interestelar, O Regresso, Titanic e muito mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário