Rede Social


quarta-feira, 26 de julho de 2017

Incrível Teoria de Game Of Thrones afirma que Bran pode ser O Rei da Noite


Uma das grandes diversões dos fãs da série de livros “As Crônicas de Gelo e Fogo” e de sua versão televisiva “Game of Thrones” é criar teorias sobre o desenrolar da história a partir de elementos aparentemente aleatórios revelados ao longo de suas edições. Em sua sétima e penúltima temporada, GoT se dirige para o conflito entre as forças dos vivos e o Exército dos Mortos liderados pela terrível criatura conhecida apenas como O Rei da Noite.
A participação do Rei da Noite é um dos pontos que difere a produção da HBO da sua inspiração literária. Isto porque nos livros, até o quinto volume pelo menos, O Rei da Noite não surge como um personagem da trama, sendo citado apenas como uma das mais assustadoras histórias que a Velha Ama contava para o jovem Bran Stark e da qual este se recorda ao passar a noite em um dos castelos abandonados da Patrulha da Noite.
Segundo o conto da Ama, O Rei da Noite teria vivido durante o período da história de Westeros conhecido como A Era dos Heróis e seria o 13º Lorde Comandante da Patrulha da Noite, isto ocorrendo pouco tempo depois da construção da Muralha. De acordo com a lenda, o Lorde Comandante, que ao que tudo indica seria um Stark, teria se apaixonado por uma estranha mulher do lado norte da Muralha. Esta mulher possuía a pele muito branca e profundos olhos azuis, mais frios que o gelo da Muralha. 
Apaixonado e encantado pela sua beleza, ele a levou para o Fortenoite e juntos passaram a governar como Rei e Rainha, cometendo atrocidades inomináveis em adoração ao terrível Deus cultuado pela misteriosa mulher. Seu reino de terror chegou ao fim quando o Senhor de Winterfell, Brandon, o Rei do Norte, irmão do Lord Comandante, e Joramun, Rei dos Selvagens, uniram forças para derrotá-lo.
Isto é tudo que é contado sobre O Rei da Noite nos livros até o quinto volume. Já, na série, ele surge como sendo um homem transformado na criatura que conhecemos como Rei da Noite, após ter um pedaço de obsidiana enterrado em seu coração pelos Filhos da Floresta em sua guerra contra os Primeiros Homens. A cena é vista por Bran (Isaac Hempstead Wright) em uma de suas visões do passado como parte de seu treinamento com o Corvo de Três-Olhos (Max Von Sydow).


Durante a visão, ou viagem, Bran descobre que fora Leaf (Adam Kilmas) que criara os Caminhantes Brancos e pergunta o porquê, ao que ela responde que estavam em guerra, que suas árvores sagradas estavam sendo cortadas, que eles [os Filhos da Floresta] estavam sendo massacrados e precisavam se proteger. Bran então pergunta: “De quem?” e Leaf diz “De você…” pausa “Dos Homens.
É aqui que tem início a teoria de que Bran seja na verdade o Rei da Noite. O jovem Stark foi avisado várias vezes de que, ao “wargar”, não deveria ficar muito tempo fora de seu corpo, pois poderia nunca mais encontrá-lo. Sabia-se que Bran poderia “wargar” em uma pessoa, pois ele já fizera isto com Hodor (Kristian Nair), mas não imaginava-se que ele poderia fazer isto no passado, o que acabou sendo revelado quando ele penetrou na mente de Hodor ainda jovem provocando o colapso que fez Willys passar a repetir apenas a palavra "Hodor".
De acordo com a teoria, quando a lâmina é enterrada no peito do homem podemos ver que Bran está com o punho cerrado, como se estivesse sentindo a dor. Talvez, ainda que por um breve momento, ele tenha “wargado” aquele homem e depois imediatamente abandonado, voltando para seu próprio corpo. E ao dizer “De você” para a pergunta de Bran é possível que ela não estivesse realmente acusado o jovem Stark, mas que isto possa ter sido uma pista deixado por D. B. Weiss e Daniel Benioff.
A teoria segue dizendo que foi por este motivo que o Rei da Noite teve a capacidade de ver Bran durante sua visão, de deixar nele a sua marca e localizá-lo, matando depois o Corvo de Três-Olhos, pois para Bran transformar-se no Rei da Noite ele sabia que precisaria passar por tudo aquilo. 
Mas, como então essa transformação ocorreria? Bran pode ficar tão desesperado para deter o Rei da Noite que, ao lembrar-se do que ocorreu com Hodor, decide voltar ainda mais ao passado e “wargar” no homem para impedir que este fosse capturado pelos Filhos da Noite e transformado na criatura, porém não teria tido êxito e, ao ser sacrificado, perder a consciência, não conseguindo mais retornar para seu próprio corpo no futuro. Uma viagem de 30 anos foi suficiente para quebrar a mente de Hodor, o que pode acontecer se Bran, ainda inexperiente, decidir voltar não apenas algumas décadas, mas milhares de anos?
Dessa forma, assim como ocorreu na lenda da Velha Ama, O Rei da Noite (Bran) seria derrotado pelo Rei do Norte (Jon Snow), colocando Stark contra Stark, irmão contra irmão. Se de acordo com o mito de Azor Ahai ele foi capaz de derrotar os Caminhantes Brancos durante A Longa Noite ao forjar a espada Lumínífera, dando a ela poder depois de cravá-la no coração de sua amada, talvez Jon Snow precise, para se tornar o Príncipe Prometido, e derrotar o Exército dos Mortos, transformar a sua espada Long Claw em uma nova Luminífera ao matar seu querido irmão Bran.

E aí? O que você acham dessa Teoria proposta pelos Fãs da série? Muito forçada? Ou definitivamente faz sentido? Comenta pra gente! :D
Ahhh! Não deixa de dar uma passadinha em nossa Loja e conferir nossos produtos lindos Game of Thrones. Olha só:
Posters incríveis! Tem até o Mapa de Westeros e Essos. Todos a partir de 29,90. Peça na Loja. Clica AQUI.
Camisa Irmãos Stark. Tem modelo masculino e feminino na Loja.
Clica AQUI.
Capinha de iPhone, Colar e Chaveiro da série.
Tudo com FRETE GRÁTIS. Clica AQUI.

Quer conhecer mais da Loja Mundo Minimalista? Então, clica aqui: www.mundominimalista.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário